Estudo: Efeitos da L-arginina em combinação com extrato de casca de pinheiro na disfunção erétil

/, L-arginina, Non classifié(e)/Estudo: Efeitos da L-arginina em combinação com extrato de casca de pinheiro na disfunção erétil

Estudo: Efeitos da L-arginina em combinação com extrato de casca de pinheiro na disfunção erétil

Dois estudos demonstraram que o tratamento com a combinação de L-arginina e extrato de casca de pinheiro tem muito mais sucesso no tratamento da disfunção erétil do que a suplementação com apenas L-arginina.

Apenas L-arginina: resultados inconclusivos

A L-arginina é a única matéria-prima disponível no corpo para a produção da molécula NO, o óxido nítrico. O NO está envolvido no tônus vascular e mais especificamente ele sinaliza a dilatação do endotélio, o tecido da parede interna dos vasos sanguíneos. Ele também cumpre um papel importante na contração e no relaxamento muscular.

Esperava-se que a L-arginina pura fosse uma intensificadora de potência sexual natural, simples e bem tolerada. Mas essas expectativas não se cumpriram. Estudos conduzidos nessa área de pesquisa obtiveram efeitos moderados apenas, especificamente com doses diárias de 3.000 mg ou menos.

Uma dose diária de 5.000 mg de L-arginina obteve melhores resultados.

1

Arginina e extrato de casca de pinheiro

Primeiro estudo em 2003

Porém, a suplementação com a combinação de L-arginina e extrato de casca de pinheiro obteve resultados mais convincentes. Esse tratamento combinado foi estudado em 2003 por Stanislavov e seus colegas.2 No estudo, homens com disfunção erétil suave ou moderada receberam o seguinte regime terapêutico: no princípio apenas 1.700 mg de L-arginina; depois de quatro semanas, L-arginina com 40 mg de extrato de casca de pinheiro; depois de quatro semanas adicionais, L-arginina com 80 mg de extrato de casca de pinheiro.

O resultado: a ingestão de apenas L-arginina (1.700 mg por dia) não apresentou melhorias mensuráveis. Mas com a adição de extrato de casca de pinheiro à suplementação com L-arginina, a maioria dos homens relatou uma quantidade significativamente menor de problemas de potência sexual.

Estudos de 2008 confirmam os resultados

O primeiro estudo teve apoio mas também muita crítica da comunidade científica pela maneira como foi estruturado. O estudo não comparou os resultados dos homens recebendo o tratamento combinado com os resultados do grupo de controle que recebeu um placebo.

Portanto, em 2008, o mesmo grupo de autores pesquisou novamente os efeitos do tratamento combinado de L-arginina e extrato de casca de pinheiro em disfunção erétil.

3 O estudo foi planejado em conformidade com os mais elevados padrões clínicos. Estudos duplo-cegos, controlados com placebo e randomizados são considerados o “padrão ouro” dos ensaios clínicos e seus resultados são considerados válidos e confiáveis.

O resultado deste estudo: mais de 90% dos homens recebendo a suplementação combinada relataram melhorias na vida sexual. Quase nenhum dos participantes do estudo que receberam placebo relatou melhorias.

Em um estudo similar subsequente, os efeitos de uma dose diária de 2.800 mg de L-arginina em combinação com 80 mg de extrato de casca de pinheiro foram medidos em um grupo de 124 pacientes por um período de seis meses.4 Os resultados do estudo anterior foram confirmados: a combinação de arginina e extrato de casca de pinheiro pode melhorar a disfunção erétil.

[/fusion_builder_column_inner]

% Efeito positivo confirmado

90%

Bibliografia:

  1. Chen et al.;”Effect of oral administration of high-dose nitric oxide donor L-arginine in men with organic erectile dysfunction: results of a double-blind, randomized, placebo-controlled study.”; BJU Int. 1999 Feb;83(3):269-73.; http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/10233492
  2. Stanislavov R1, Nikolova V. “Treatment of erectile dysfunction with pycnogenol and L-arginine.” J Sex Marital Ther. 2003 May-Jun;29(3):207-13.
  3. Stanislavov R1, Nikolova V, Rohdewald P.; “Improvement of erectile function with Prelox: a randomized, double-blind, placebo-controlled, crossover trial.”; Int J Impot Res. 2008 Mar-Apr;20(2):173-80. Epub 2007 Aug 16.
  4. Ledda A1, Belcaro G, Cesarone MR, Dugall M, Schönlau F.; “Investigation of a complex plant extract for mild to moderate erectile dysfunction in a randomized, double-blind, placebo-controlled, parallel-arm study.”;BJU Int. 2010 Oct;106(7):1030-3. doi: 10.1111/j.1464-410X.2010.09213.x. Epub 2010 Feb 22., http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/20184576
Share and help your friends!Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someoneShare on Tumblr